Dentistas

Mercado odontológico e projeções para depois da crise!

Publicado em 29 de junho de 2020.

redeorto_cenario_odontologia_pos_crise

Estamos em meio ao cenário promovido pelo COVID-19, um momento de aprendizado, reflexões, adaptações, criação de novas estratégias e sim muitas incertezas.

É possível realizar uma análise do mercado odontológico atual, compará-lo ao pré-covid e assim projetar o futuro. O mercado deve se consolidar, com uma menor taxa de abertura de novos consultórios e as redes de franquias ganhando cada vez mais espaço.

O mercado odontológico até início de março de 2020, era de crescimento acelerado. Segundo informações do Conselho Federal de Odontologia (CFO), o mercado odontológico movimentava mais de R$ 38 bilhões e com projeção de superar os R$40 bilhões, mas agora isso deve se desacelerar no horizonte de 06 meses.

Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o mercado de franquia possuía um índice de crescimento superior a 5% ao ano. Ele ainda deve crescer, porém abaixo deste índice.

Mesmo o segmento odontológico sendo classificado como essencial e, portanto, possível ser realizados atendimentos não eletivos, muitos clientes com retornos agendados, de cirurgias entre outros, optaram por justificado medo do COVID-19, em desmarcar seus atendimentos e isso gerou redução significativa das receitas.

 

E como fica o mercado odontológico depois da crise?

 

É fato que já sofremos o impacto da crise e este deve sim, ser intensificado no segundo semestre deste ano, caso as políticas econômicas e sociais não sejam bem aplicadas. A tendência é de um consumo mais racional, ou seja, maior critério e de muitas restrições no orçamento familiar.

É bem provável que em um primeiro momento, procedimentos relacionados a dor e questões funcionais sofram menos, já os estéticos fiquem em segundo plano.

Com este cenário desenhado, quem estiver mais estruturado e conseguir se adaptar rapidamente, terá mais chances de performar, já aqueles pequenos negócios, terão maior dificuldade e podem sim, não se recuperar.

Inclusive, nós da REDEORTO Clínicas, visando ajudar o pequeno empresário, realizamos durante os meses de abril de maio, mais de 120 mentorias gratuitas, colocando a disposição destes empresários, o time de especialistas da franqueadora, com um trabalho de diagnóstico, orientação e dicas para que ele minimize os impactos da crise.

Notamos também um maior interesse pelo sistema de franquias. Os dentistas buscam um modelo consolidado somado a uma marca para forte para ajudá-lo a performar e crescer.

Entre os benefícios que eles mais buscam temos:

  • gestão financeira, auxílio na negociação de eventuais dívidas, melhores opções de compra em principal de EPIs (equipamentos de proteção individual);
  • voltar a crescer em principal com ações de marketing digital.

Aproveite o momento para reavaliar as estratégias utilizadas, sua vida financeira e se precisar, nós podemos lhe ajudar.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

Postar Comentário